Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens de Abril 29, 2012

"o meu coração já estava acostumado com a solidão...

"Depois de sonhar tantos anos, De fazer tantos planos De um futuro pra nós Depois de tantos desenganos, Nós nos abandonamos como tantos casais Quero que você seja feliz Hei de ser feliz também
Depois de varar madrugada Esperando por nada De arrastar-me no chão Em vão Tu viraste-me as costas Não me deu as respostas Que eu preciso escutar Quero que você seja melhor Hei de ser melhor também
Nós dois Já tivemos momentos Mas passou nosso tempo Não podemos negar Foi bom Nós fizemos histórias Pra ficar na memória E nos acompanhar Quero que você viva sem mim Eu vou conseguir também
Depois de aceitarmos os fatos Vou trocar seus retratos pelos de um outro alguém Meu bem Vamos ter liberdade Para amar à vontade Sem trair mais ninguém Quero que você seja feliz Hei de ser feliz também Depois" depois _ MARISA MONTE

"se o mundo acabar hoje...

to bem aqui ouvindo Agridoce - pro meu domingo
decidi ser alegre, feliz..
talvez eu ainda chore, noite, dia, madrugadas a dentro
talvez depois do choro eu sorria, talvez durma ou fique só ali pensando
acabou os estudos, tenho tido muito tempo vago para pensar, organizar os pensamentos
dá tempo pra fazer tanta coisa, mas tenho estado tão distraida com ideias e pensamentos que qualquer obstaculo tem se tornado uma muralha
estou enfraquecendo com o tempo, enfraquecendo durante minha melhor batalha
como se eu fosse Barcelona contra Chelsea.. batalha ganha e por acasos - pela vida, pelas derrotas e pensamento - lá estou eu eliminada
tenho andado no meu melhor momento, com as melhores pessoas e...
sei lá se chegarei em algum lugar


mas decidi ser feliz, por enquanto...




"Segue o vento sob minhas asas
Eu não mando mais em nada
Sei que é alto mas eu vou pular


O que todos vão dizer
E aonde vão chegar
Nem os olhos podem ver"
130 anos _ AGRIDOCE

"Quando nasci, um anjo torto desses que vivem na sombra...

"Mundo mundo vasto mundo
se eu me chamasse Raimundo
seria uma rima, e não seria uma solução." Carlos Drummond de Andrade